vai Ter sambada na festa
na sala escura o candeeiro alumiô
vai Ter sambada na festa
zona da mata que canavial cantô
vai Ter sambada na festa
na casa grande, zé neguinho e azulão
zé da granja e azulão
vai Ter sambada na festa
farinha seca rapadura com feijão
engoma a roupa solta o jegue faz a barba
brilhantina no cabelo encosta a faca no gibão
afina o fole bota seiva de alfazema
pede ao zé da lavadeira levar cana com limao
amarra os bode tira os boi lá do açudinho
faz bejú de mandioca pra cume com fruta-pão
vai Ter sambada na festa pexeira bala punhal
livino, antonio ferreira, sinhô pereira, aveloz... lampião... xaxado!
Guarda as costuras, calça, aquelas alpercatas
Tira o lenço da cabeça veste a saia de algodão
Passa o batom, desembaraça teus cabelos, não se esqueça o canivete
Pra rapaz bagunçador
Vai com josefa dona júlia dona zeza corpo todo perfumado
Que a jurema arribitou...
Vai ter sambada na festa,
Pexeira, bala e punhal...

Video erróneo?