Ela acredita em conto de fadas
Ela deseja ouvir lindas palavras
No seu olhar quer a beleza para sentir bem
E atitude que eleve muito mais além
Sonha em ter ao lado muito mais que carinho
Quer degustar desse romance como provar um vinho
Quer esquecer madrugadas que ficou sem brilho
Quer escrever no seu diário o que está no seu caminho
Prova que seu interesse é a transparência
Jóias, sapatos ou carro não é sua dependência
De que vale ter status acima de tudo?
E um coração que comunica apenas com surdo ou mudo.
Ela tentou agir social
Declarou e entregou todo o seu lado pessoal
Droga, ele só quis seu corpo
E todos os seus sonhos foram jogados no esgoto


Refrão;

Amanhã que vem nem bom dia eu vou dar
É isso o que acontece a todas aquelas
Que acreditam no suposto calor da primaveira
Seja quem for
Cuide seu valor
Para que alguém cuide bem do seu amor
Não lhe dê apenas calor
Nem tão pouco dissabor

Não quis nem saber de nada que entrava e saía ou queria permanecer na sua mente
Nem ele, nem aquele ou por ele iria permanecer tempo presente
O que era verdadeiro por agora envelhecia tão constantemente
Um amor pra vida toda foi banido da retina como flash tão facilmente
Poesias e gestos são previsíveis
Ligações e afetos são desprezíveis
Em cada ação sua mente diz: Eu duvido!
Quem sabe se um ano antes tivesse ouvido
Está formada num curso que o mundo foi seu ensino
No seu diploma está escrito
A vingança é um prato frio que é servido
Para aqueles que destruiu um sonho prometido.


Refrão;

Amanhã que vem nem bom dia eu vou dar
É isso o que acontece a todas aquelas
Que acreditam no suposto calor da primaveira
Seja quem for
cuide seu valor
Para que alguém cuide bem do seu amor
Não lhe dê apenas calor
Nem tão pouco dissabor

Video erróneo?