O amor, o amor, o amor, amor, me deixa desse jeito.
Te amo e não tem jeito
Te amar, te amar,te amar, te amar, é meu defeito
Nenhum segundo mais quero você
Mas ta difícil não me excitar
Eu tento, eu tento, eu tento, eu tento, mais não dá
Amor, amor...
E quando passo lá na sua rua com alguém
Você me provoca e joga charme
E eu também jogo charme
Pra esconder que ainda sou um dependente seu
De vez em quando bate uma saudade, saudade de doer.
E essa cama fria não me ajuda, não me ajuda a te esquecer.
E quando eu tento não parar na sua, começo a sofrer.
O teu jeitinho me pega na curva e o meu amor
De vez em quando.

Video erróneo?