Tem dias que nem comecei a terminar
Tem dias como este
As bodas que mal possa adivinhar
De tão inexistentes.

Ninguém me perguntou
Nas flores do meu filme.
Nenhum qualquer gostou
Dos sonhos que eu já tive.

Invento novos beijos
Não espero sorrir
Frequento outros desejos
Eu quase desisti
Eu cansei.

Beijos, brilhos, brindes, brigas, margaridas
Que eu não cometi.
Já confiei a santo antônio, estrela dalva
O que eu jamais vivi.

Guardo, escondo as cores do meu filme
Que não ouso revelar.
Sonhei possíveis sobrenomes
E ninguém insiste em me achar.

Tem dias que nem comecei a terminar.

Video erróneo?