Pinhal, tramandaí, cidreira
Soy loco de rasgar bandera
Vou me atracar numa sereia
Mulata-loira da frontera

Vou chegar e vou rolar na areia
Tomar cachaça a noite inteira
Barraca, fumaça, fogueira

É hora de fazer besteira
Agora é bandeira vermelha
É tudo chave de cadeia