Lá na beira do rio Grande
Quando eu por ali passava
No galho da laranjeira
Sabiá triste cantava
Seu cantar era tão triste
Que do meu bem eu lembrava
Pensando nos teus carinhos
Meu bem que saudades que me dava

Se eu fosse um beija-flor
Fazia tudo na vida
Toda hora eu saía
Pra ver minha querida
Eu dava um beijinho nela
Oh! minha flor preferida
Mas sou um pobre sozinho
Meu bem passo horas doloridas

Quando deito em meu leito
Eu durmo, já estou sonhando
Sonho que estou com você
Juntinhos se namorando
Andando de braço dado
Pelas praias passeando
Acordo não vejo nada
Meu bem saio triste delirando

Depois eu penso um pouquinho
E ponho a me conformar
Sei que vais gostar de mim
Eu vejo o povo falar
Eu vou falar com teus pais
Em breve vamos casar
Vamos ser feliz na vida
Meu bem pra nunca nos separar

Video erróneo?