Sabotage, sabotage, sabotage

Brooklin Sul, Ciente estou

òh nós na ativa.

Brooklin Sul, ciente estão, vários amigos meus, ninguém é ateu
crêr em Deus, tanto a princesa e o plebeu.
Mandando o som após o bumbo, agora aqui estou, atravessar fronteiras vou
Fazendo 'How', rap/samba How!
Tipo daquela de quebrada, quero.
Forcei o vento, magrelo, mas adivinha o que eu quero?
Quero bem mais, eu quero é mais, eu quero a paz pro hemisfério,
ta esperto a céu aberto, um inferno, um esperto
Que mete o ferro, no gesto, a céu aberto, inquieto, tava incorreto eu vi
não sei se é certo no crime, o mestre, então fique esperto, pra não servir de objeto
mas na humildade sem teto, catou, troucou, varios tecos
Soube do Márcio, o Ge, Zé Catarrento, Cris, o Beto, Pelo jornal foi correto
O Datena, comentou, disse cruz-credo a cena do elo, prorroto inseto
foi esmagado a céu aberto
Só sua mãe, ouviu dois tiros, depois ouviu, sentio seus berros,
Pra família o Beto deixou, uma brasilia, um carro Chevet,
Sua mina magoada, grávida de um pivete.

Foi cair se apressou, no mundo do vício, ficou.

Pro vicio vai medicio, o vicio propício, moloca um precipício
Aracnideo, ah, jogado sempre no lixo, discute pare, bom rap, não pare
deixe compadre, não vale, sou sabotage.
Pro vicio vai medicio, o vicio propício, moloca um precipício, Aracnideo,
Han, jogado sempre no lixo, discute pare, bom rap, não fale, besta, covarde
nas margens, sou sabotage.

Na humildade do som, saudei no refrão, tipo canão
não saboto o rap, ladrão, dê varias de fé, sangue bom [há]
No som que não pare, bom rap é verdade, é só distração [hé]
é som que não vale, bom rap soa arte, esse é meu dom [hé]
Longa-metragem, paulista cidade, Play Boy de modismo, também vaidade

Aracnideo [Han], jogado sempre no lixo, escute pare, bom rap, não pare,
besta, covarde, nas margens, sou sabotage.

Há, I don't know, know, My money is light fim, se ligou jão?
Convictei, já sei, não foi tão triste, considerei, bem respeitei, sim, sim
consegui, a Don't Know, [Ha Ha], I lie to Don't please,
eu quero é mais, eu corro atrás, eu sei, sim, consegui,
honra meu nome enfim, pra não chorar, ja sei! Me sinto certo, aracnideo esperto
Agora aqui estou, Rica chega, Tejjar, a união pro mesmo eu peço
è tipo assim, esperto massacre, Gangstar Tejjar

O rap invade, o som, é sabotage, maldade, chega de invade, trabalhe
diretoria, pipocagem, sou sabotage, o mandarín, do brooklin sul fui que vim
lembra o pão, I don't know, my money is light fim,
com uma maleta derrubando doláres no brooklin, há,
Na fé sonhei, sonhei, não sei como eu sonhava assim
Enfim cantei, fumei, mas pus mais fé que Zé polvim.
Aí jow, ao meu redor, canão brooklin, sul, boiqueirão, morumbi, mangue enfim
o proceder, valhe um brinde, tipo família RZO, potencial, Rappin Hood',

Momento no som, responde na ruas, conclusão, só filho da ...
derruba nas ruas, quem diz que pá, se é zona sul, um aditivo atrás
é nóes

Levada, segura, mensagem que ativa, a rua é a nossa, é a lei as ruas que ativa
Mendiga, se liga Juca, sim

To vendo, favela, eu quero a paz pro hemisfério,
eu quero é mais, eu quero bem mais, eu quero a paz que me quero,

Aracnideo, ah, jogado sempre no lixo, discute pare, bom rap, não pare
deixe compadre, não vale, sou sabotage.
vai medicio, o vicio propício, moloca um precipício, Aracnideo,
Han, jogado sempre no lixo, discute pare, bom rap, não fale, besta, covarde
nas margens, sou sabotage.

Video erróneo?