Às vezes eu preciso muito da escuridão
Pra ver as estrelas sintonizar o coração
Eu ando pelas ruas fumando meu cigarro
Distorcidas milhas, se torna a mais pura intenção
Não sigo o que não quero mas peço depois
E quando estiver no chão, por favor, me de a sua mão

Mesmo que eu quebre o seu coração
Mesmo que o tempo te pare depois

Bem vindo ao mundo dos belos fortes e sábios
Não tente esconder, o que se torna mais raro
E somos todos feitos como lá menor
Sempre ressonando, querendo sempre ser maior
E por favor, não esqueça de olhar para o céu
Agradecer as estrelas, e a lua na sua rua

Mesmo que quebrem o seu coração
Mesmo que o tempo te pare depois

Mesmo que quebre o seu coração
Mesmo que queime o seu coração
Mesmo que o tempo te pare depois
Não deixe nunca de viver e morrer

Video erróneo?