Por tantos caminhos andei
Tentando encontrar a linha do destino
Preciso quebrar

Dando passos para trás
Sem nunca enxergar
Quanto tempo eu perdi
Muitos planos construí
Querendo um dia estar bem longe daqui

Mas ele não chegará
Eu tentei e não conseguir
Mesmo assim não vou parar
Meu destino é prosseguir

Se eu não arriscar nunca saberei
O que é melhor, tentar ou me entregar

A dor vem me lembrar que ainda estou vivo
Não vou descansar até conseguir o que é preciso
Pra me levantar e então caminhar
Sobre as cinzas que restaram desse lugar

Parei de contar o tempo para não me perder

Não posso me conformar
Com um cenário já criado
Sei que ainda posso mudar a história
Mas não o passado

Se eu não arriscar nunca saberei
O que é melhor, tentar ou me entregar

O tempo te mostra real situação
Viver em paz não é viver na ilusão

Video erróneo?