O doce, cadê?
Ta na mão meu bara, põe aqui na boca que eu vou embora;
marquei um encontro pros lados de Krypton,
já tô atrasado eu tô partindo a mil.

Saí, viajei, a distância quem sabe.
Eu vi meus coligados na mesma fogueira;
queimando, brincando, trocando as idéias,
em fogo, em chamas, buscando as respostas.

Êê,êêê...
E o doce, cadê?
E o doce, cadê?
E o doce, cadê?
E o doce, cadê?

Brincando, fumegando, revelando sentimentos.
Explorando sentimentos, explorando os sentidos;
e assim, de repente, me bati com a euforia.
A surpresa foi tanta que eu não parei mais de rir.

Há, há, há, há...
Há, há, há, há...
Há!

(Risadas)

Video erróneo?