Viver sem harmonia,
Faz parte, do cotidiano.
O crime vira moda no país da fantasia,
E quanto sangue derramando.
E tantos becos sem saída,
Muitos, morreram por engano.

O mundo gira em torno de uma selvageria,
Faz parte do cotidiano.

Acorde e veja como está.
E o que vamos fazer,
Pra esse quadro mudar.
E se você pensar,
O mundo é desumano,
Vai perceber;
Faz parte do cotidiano.

Faz parte do cotidiano.
Faz parte do cotidiano.
(faz parte do cotidiano)
(faz parte do cotidiano)

Viver sem harmonia,
Faz parte, do cotidiano.
O crime vira moda no país da fantasia,
E quanto sangue derramando.
E tantos becos sem saída,
Muitos, morreram por engano.

O mundo gira em torno de uma selvageria,
Faz parte do cotidiano.

Acorde e veja como está.
E o que vamos fazer,
Pra esse modo mudar.
E se você pensar,
O mundo é desumano,
Vai perceber;
Faz parte do cotidiano.

Faz parte do cotidiano.
Faz parte do cotidiano.

(faz parte do cotidiano)
(faz parte do cotidiano)

Video erróneo?