Vou deixar esta cidade vou voltar pro meu rincão;
Quem trabalha de empregado só enriquece o patrão;

Meu patrão me de a conta aqui não trabalho mais
Eu n vez de ir pra frente,e stou voltando pra trás
Tarbalho que nem um louco e não sobra um vintém
Ganho um salário por mês e gasto dois no armazzém.

Pago, água, luz e lenha, pago aluguel de casa
Quando chega o fim do mês o pagamento atrasa
O armazém não vende mais, como é que eu vou viver
Com toda essa filharada sem ter nada pra comer.

Vou pagar minha mulher e toda minha filharada
Vou voltar lá pro rincão aqui a barra esta pesada
Lá tenho vaca leiteira e galinha no terreiro
Faço roça e crio porco e tudo isto dá dinheiro.

Video erróneo?