Só quis correr perigo
Me diz o que é capaz?
De tão antigo o vicio
Já não nos satisfaz

Como nos velhos tempos
Um pouco mais do mesmo
De tantos fragmentos
E sonhos artificiais

Então me diga alguma coisa que ainda
Não sei
Voce é bem melhor do que fingia ser
Nem que seja mais um doce engano
Não me prove o contrario

Invado o seu vazio
Sem pedir nada em troca
Me diz do que é capaz
Quando for a hora

Adeus aos velhos tempos
Não somos mais os mesmos
Apenas consequências
De sonhos artificiais

Então me diga alguma coisa que ainda
Não sei
Voce é bem melhor do que fingia ser
Nem que seja mais um doce engano
Não me prove o contrario

Video erróneo?