Encarava tudo ao contrário
Nevoeiro que atravessou
E pintava as côres num cenário
Que imaginou
E agora enquanto se desfiam
Os fadários que viu assomar
Fica aí, aonde as aves gostam
A ouvir o mar
Fim de tarde que hoje é côr de rosa
Faz os sonhos logo aparecer
Quem me dera a noite fosse nossa
Sem deixar de ser
O Encanto
Cantado
O Canto
Encantado
Uma voz
Que sem pesar cantava
Melodias num santo fervor
Um suspiro que se não chorava
Elevava o amor
Aconselha
Aqueles que me escutam
Com tendência
para inventar
A usarem muita paciência
Para vislumbrar
O Encanto
Cantado
O Canto
Encantado
O Encanto
Cantado
O Canto
Encantado

Video erróneo?