Tempo é arte, foi o que eu aprendi
Não é dinheiro ou outra coisa que se conte
É uma outra dimensão

Toda vida vive da luz do sol
Que se faltasse tudo então pereceria
Foi o que eu aprendi de tanto ver se repetir
Que anestesia, e eu já nem sentia, ia me destruir
Mas não aconteceu, estou aqui...

Toda vida, eu quis tanto querer
Como se não bastasse o que já me cabia
Na esfera emocional

Na verdade eu sou o outro você
Tanto que enxergo em ti o que em mim não veria
Foi o que eu aprendi de tanto ver se repetir
Que anestesia, e eu já nem sentia, ia me destruir
Mas não aconteceu, estou aqui...

Video erróneo?