De tanto beber cachaça
Eu já perdi o meu nome
Me chamam de cachaceiro
Pau d água e meu sobrenome

Eu sou um pudim de cana
Que bebo de sem vergonha
Quando eu não durma na rua
Eu amanheço na zona

Também sou viciado em jogo
Mais sorte eu não tenho não
Eu gasto meu pagamento
No boteco do seu João

Minha vida e uma droga
Mas acho que vou mudar
Não vou mais beber cachaça
Meu dinheiro eu vou guardar

Vou honrar minha esposa
Meu filhos também meus pais
De hoje em diante cachaça
Na boca eu não ponho mais

Video erróneo?