Por que finges ser tão forte?
Esta muralha de esperança;
Mas jogado a própria sorte!?

Por que finges não ter sentimentos?
Quando ao menor problema,
Seus belos olhos estão atentos!?

Por que finges ser tão mal?
Se o que vejo em teu coração,
É um lugar novo, inexplorado;
Seguro e totalmente puro!

Eu peço a tua mão,
Para me levar a algum lugar;
Além das Colinas, do Céu e do Mar.

Mostre-me seus segredos;
Te darei o mapa dos meus!
Compartilharemos deste momento
Junto de Deus.

Video erróneo?