Não fale mais de solidão
Não fale não
Quero saber é de alegria
No coração
Com um copo de cerveja
Em minha mão
Um sorriso de mulher
E uma canção
Se aquele sonho se acabou
Outro virá
Na ilusão de um grande amor
Que deus mandar
O que vai acontecer
Quem saberá
Analista de boêmio
É a mesa de bar
Em vez de sofrer o melhor é cantar

E quando terminar
É mais um porre pra curar
E se ela não telefonar
A culpa é da bebida
Deixa rolar, deixa prá lá
Vamos beber, vamos cantar
Por que viver
É uma eterna despedida

La laiá, la laiá
Laiá, laiá
La laiá, la laiá
Laiá, laiá

Video erróneo?