Não pude ver o que estava a me aguardar
Tanto barulho tanta distração
Meio perdido não dirijo meu olhar
E os passos seguem noutra direção
Sempre penso em algo infalível pra falar
Quando já não importa o que eu disser

Meu sorriso amarelou
Reagi sem tempo pra pensar
Certamente não foi a melhor decisão
Certamente...

Não percebi a força posta no andar
Até o instante em que tropecei
A textura do asfalto vem me amparar
Já sei exatamente onde eu errei

Já é hora de levantar, enfrentar e inventar
Já é hora de conversar, respeitar e abraçar
Já é hora de plantar, colher e dividir
Já é hora de ganhar e de perder e amar…

Não percebi correntes me prendendo aqui

Até o instante em que tentei partir…

Video erróneo?